Portal Saúde da Criança NET


Sobre o Método Canguru

O Método Canguru nasceu na Colômbia em 1979, no Instituto Materno Infantil de Bogotá, com os médicos Dr Reys Sanabria e Hector Martinez. Inicialmente ele visava reduzir os custos da assistência perinatal, mais tarde é que foram descobertos outros benefícios. No Brasil ele chegou em 1997 no Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP). Em 2000, o Ministério da Saúde publicou a Norma de Atenção Humanizada ao Recém-Nascido de Baixo Peso.

Cerca de 13 milhões de bebês nascem prematuros por ano no mundo e mais de 1 milhão morrem no primeiro mês de vida. Um estudo proposto pelo Ministério da Saúde, em 2004, com 985 recém-nascidos de baixo peso mostrou que as Unidades Canguru tiveram desempenho superior em relação ao aleitamento materno exclusivo e, aos três meses após alta, menores percentuais de reinternação dessas crianças.

A capacitação de tutores no Método Canguru é realizada por meio de curso de 40 horas (uma semana) para profissionais de saúde que, por sua vez, tornam-se multiplicadores. Em 2009, as capacitações foram realizadas por consultores do Ministério da Saúde nos cinco Centros de Referência Nacional para o Método Canguru:

- Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão, São Luís/MA
- Instituto Materno-Infantil Professor Fernando Figueira, Recife/PE
- Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis/SC
- Secretaria Municipal do Rio de Janeiro/RJ
- Hospital Geral de Itapecerica da Serra/SP